♥Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


Em destaque no SAPO Blogs
pub
Terça-feira, 14 de Abril de 2009
Erros mais comuns

O que ocorre é que, trilhando esse caminho, vamos cometendo “erros”, seja por falta de experiência, raciocínio, percepção, bom senso.
Vejamos alguns exemplos:
Não saber o que procuramos – - Esse é o maior de todos! Somos “Maria vai com as outras”. Como não sabemos o que ela verdadeiramente é, nos deixamos influenciar por amigos, cultura, moda, família, mídia. Nas varias faixas etárias da nossa vida, temos concepções diferentes acerca daquilo que nos tornaria felizes. Veja um bebê, por exemplo, para se sentir feliz ele precisa estar alimentado, limpo e ter o carinho dos pais. Isso bastaria a ele. Agora pense nele com cinco anos de idade, depois de sofrer a influência educacional, das propagandas de televisão. Será que carinho, alimento e estar limpo bastariam a ele? E quando tiver na adolescência, sofrendo a influência do grupo de amigos que pertence.
Recordo-me de uma propaganda de televisão sobre venda de aparelho celular, na época do dia das crianças. O garoto deveria ter uns 12 ou 13 anos. Seu pai lhe ofereceu de presente a atriz “Karina Bacchi”. Ele prontamente recusou, e disse que queria um aparelho celular de tal marca, pois era isso que seus amigos possuiam. Seu pai, decepcionado, disse que trocaria o presente. O garoto (inimigo do zorro), disse-lhe para deixar o presente que o pai lhe trouxera guardado, pois futuramente ele poderia precisar.
Voltando ao exemplo, qual será a concepção de felicidade que cada pessoa (sofrendo as influências etárias e do meio) pode ter ao longo da sua vida? E a sua hoje qual é? Bom começar a refletir mais sobre isso, pois está depositando toda a sua energia nela!
Já se voltou mentalmente ao passado e pensou: “Como pude acreditar que isso era sinônimo de felicidade”? Dá até vergonha de lembrar!!!
Não saber o que é felicidade – Lembro-me de uma frase atribuída a “Willian Shakespeare”: “Se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve”. Não sabemos o que é, onde está e como buscá-la! A conseqüência disso são as escolhas mal sucedidas, precipitadas, ilusões, e as suas conseqüências, as decepções e frustrações. Sentimo-nos infelizes conosco e insatisfeitos com a vida. É nesse momento que muitas vezes as pessoas sofrem um grande conflito interno: a de se sentir infeliz internamente e a de ter de demonstrar externamente que está feliz.
Alguém gosta de viver ao lado de alguém infeliz, insatisfeito, que por conseqüência se mostra reclamão, amargurado, triste, de auto-estima baixa? Então, a pessoa faz um esforço descomunal, gasta quase todas as suas energias para demonstrar aos outros que ela é feliz, bem sucedida em todos os âmbitos da vida. Ah, como ela sofre. Sofre por essa ambigüidade interna e sofre por ter medo de tentar de novo e fazer novas escolhas erradas.
Materializar a felicidade – Perigo! Perigo! Sinal de infelicidade, insatisfação, e na maioria das vezes uma grande frustração!!! Materializar a felicidade significa colocá-la em bens materiais, cargos, pessoas, algo palpável. E tudo o que você pensou é perecível, fica ultrapassado, desgasta, se transforma, muda, perde o valor. São transitórios e efêmeros. Como o ser humano é um ser insaciável, nunca está satisfeito com o que tem você pode imaginar onde isso vai acabar. Buscamos muitas coisas que estão fora das nossas necessidades, são supérfluas e se tornam elefantes brancos em nossa vida. Buscamos outras por capricho, excesso de mimo, fantasias. Deixamo-nos levar pelo marketing da felicidade, onde se associa tudo à felicidade. Compre isso e será feliz. Basta ver os slogans da maioria das grandes empresas do comércio.
Colocá-la em um único lugar – Não estou secando, mas dentro das estatísticas de possibilidades, um sonho, objetivo, meta, tem 50% de chances em dar certo e 50% em dar errado. Se depositarmos todas as nossas energias e expectativas em um único lugar, podemos nos dar mal. Tenha vários sonhos, busque-os, sabendo que pode dar certo ou não. Invista nele com equilíbrio, discernimento e racionalidade. Importante também, enquadrar os nossos sonhos dentro das nossas potencialidades e limites (o autoconhecimento é indispensável). Por modismos, questões financeiras, sonhamos ser engenheiros, mas não gostamos de matemática. No colégio só tomávamos bomba e ficávamos para recuperação. Fica difícil, certo?
Colocar a felicidade em pessoas – Isso serve para família, filhos, esposa, marido e o (a) futuro (a) marido ou esposa. Ninguém pode te fazer feliz a não ser você mesmo, mais ninguém! Se assim fosse, uma pessoa solteira ou sem filhos não poderia ser feliz? Se esta pessoa que amamos morrer (e um dia ela irá morrer), seríamos infelizes o resto da vida? Se por algum motivo a relação fracassar, como ficaríamos? Ao fazermos isso nos tornamos dependentes da outra pessoa, perdemos nossa liberdade, vivemos de migalhas. O filósofo Montaigne muito sabiamente expôs que... “é digno de piedade quem depende dos outros”; Horácio, outro filósofo, completa a sentença esclarecendo que... “todas as esperanças estão em mim”.
Isso não quer dizer que as conquistas dos filhos, seu amor e carinho, assim como do “nosso amor”, não nos tornam mais felizes, ao contrário, quero dizer, que temos que sonhar e buscar nossos próprios sonhos de felicidade, conhecer e desenvolver nossos potenciais, criar e realizar nossas idéias, aprender coisas novas. Se não realizamos sonhos pessoais que independem dos outros não conseguimos ser verdadeiramente felizes, pois estamos nos anulando, despersonificando. Às vezes até nos enganamos que somos felizes.

Pense nisso!!!


arquivado em:

publicado por αиιинα иαѕ¢ιмєиτσ às 07:30
link do post | comentar | favorito

♥☞•.¸.•*♥ Sobre o meu par perfeito ♥*• .¸.•
αℓѕ∂м รє๓קгє lยtคภ๔๏ ק๏รร๏ ςคเг, є ןá ςคเ ๓ยเtคร שєzєร, ๓คร єย ๓є lєשคภt๏ รє๓קгє, ש๏ย คté ๏ Ŧยภ๔๏ ๔๏ ק๏ç๏, ๓คร гєt๏гภ๏ รє๓קгє, ςђ๏г๏ ๓ยเtคร є tคภtคร שєzєร láﻮгเ๓คร tєเ๓๏รคร ợยє เภรเรtє๓ є๓ ςคเг, คté ๓єร๓๏ ﻮยคภ๔๏ єย ภã๏ ợยєг๏ є ภã๏ ק๏๔єгเค. ๓คร, คเภ๔ค ς๏ภŦเ๏ ภย๓ ร๏ггเร๏, รєןค ๏ ๓єย ๏ย ๏ รєย. ןá เภรเรtเ ๓ยเtคร שєzєร ק๏г ๔єรเรtเг, ๓คร ς๏ภtเภย๏ ק๏г คợยเ. ๓ยเtคร שєzєร ย๓ค คภﻮยรtเค, ย๓ค ๓єlคภς๏lเค, ย๓ค tгเรtєzค, ย๓ค ร๏lเ๔ã๏, ย๓ค รคย๔ค๔є ๔๏เ tคภt๏ ภ๏ קєเt๏ ợยє קคгєςє ๔๏єภçค รє๓ ςยгค ợยє ภã๏ ๔єเאค שєг ๏ Ŧยtยг๏. єย คггคภς๏ lá ๔є ๔єภtг๏ ย๓ค Ŧ๏гçค ợยє คเภ๔ค єאเtє, lєשคภt๏, รคςย๔๏ ค ק๏єเгค є ๔๏ย ค ש๏ltค ק๏г ςเ๓ค... ครรเ๓ ς๏๓๏ ๏ร קáรรคг๏ร ภã๏ שเשє รє๓ ๏ ςéย; ครรเ๓ ς๏๓๏ ๏ร קєเאєร ภã๏ гєรקเгค๓ รє๓ ค áﻮยค; ครรเ๓ ς๏๓๏ ๏ קlคภєtค ภã๏ єאเรtє รє๓ ๏ ยภเשєгร๏; єย ק๏รร๏ ๔เzєг ς๏๓ t๏๔ค รเภςєгเ๔ค๔є, ợยє ภã๏ שเש๏ รє๓ ש๏ςê. קคгค รє๓קгє รєгє๓ lє๓๒ค๔๏ร, ﻮยคг๔ค๔๏ร є๓ รєย ς๏гคçã๏ є є๓ รยค ๓єภtє. ๔єรรє ς๏гคçã๏ ש๏ςê ๏ยשเгá คקєภคร קคlคשгคร ๔є ค๓๏г, ςคгเภђ๏ є คק๏เ๏. שเשค ςгєรçค є єภשєlђєçค ๔๏ ๓єย lค๔๏... єย tє ค๓๏ ๏ภtє๓, ђ๏ןє, ค๓คภђã є รєmpre. E não me esqueço nunca do dia 10/03/2008... siทτσ sαυ∂α∂єs... ρσrqυє σ вєм qυє αℓgυєм ρσ∂єriα rєcєвєr, rєcєвi ∂є τi. σ мєℓнσr sσrrisσ ทσ мєℓнσr мσмєทτσ vc мє ∂єυ. qυαทταs vєʑєs ρrσcυrσ мσsτrαr-мє вєм, siмρℓєsмєทτє ραrα q´ vc ñ sє ρrєσcυραssє αiท∂α мαis cσмigσ. єυ sєi q´cσм σ sєυ cσrαçãσ єทσrмє, vc sємρrє αrrαทנαrá мστivσs ρrα мє ƒαʑєr sσrrir. qυєriα τєr α cσทƒicçãσ ∂є ∂iʑєr q´ αмαทнã, ℓσgσ cє∂iทнσ, irємσs ทσs єทcσทτrαr є ραssαr σ ∂iα iทτєiriทнσ נυทτσs. є αssiм τσ∂σs σs ∂iαs, τσ∂αs αs нσrαs є σs мiทυτσs ρσssivєis... qυєrσ τє αgrα∂єcєr, αנυ∂αr єм ƒiм, τє ∂ємσsτrαr ∂є αℓgυмα ƒσrмα q´ ñ єsqυєçσ, q´ נαмαis єsqυєcєrєi σ q´vc ƒєʑ є ƒαʑ ρσr мiм. נαмαis єsqυєcєrєi σs єทsiทαмєทτσs q´vc ραssσυ є cσทτiทυα ραssαท∂σ cσм sєυ נєiτσ вσทiτσ, siмρℓєs, нσทєsτσ є нυмiℓ∂є ∂є τrαταr τυ∂σ є τ∂σs. cσмσ τє rєcσмρєทsαr !? cσмσ єsqυєcєr σ αмσr q´ vc мє ∂єυ є мє ∂á? ρєrgυทταs ñ cαℓαм α мiทнα cαвєçα... qυєrσ q´ sαiвαs q´ τє αмσ мυiτσ є q´, мєsмσ ∂є ℓσทgє, τσrçσ ρrα q´vc σвτєทнα êxστσ є sєנα мυiτσ ƒєℓiʑ єм τσ∂σs σs cαмiทнσs є єscσℓнαs q´∂єsєנαr sєgυir.
♥pesquisar
 
♥mais sobre mim
♥links
♥posts recentes

PRECISAM-SE LOUCOS!!!

Biscoitos roubados

Meu pai, meu amigo

Beije muito

HÁ MOMENTOS NA VIDA

Pausas da vida

10 LINHAS PARA VIVER

ATÉ OS CANALHAS ENVELHECE...

Um grande amor

O MUNDO SEM AS MULHERES!

NA VIDA É SEMPRE BOM DAR ...

IMAGINE A VIDA COMO UM JO...

A ilusão do reflexo

Livre arbítrio

Parábola da rosa

De tudo ficam três coisas...

Crônica do Amor

Só DEUS!

Limpando as gavetas

∂єѕρєяταя ∂α vι∂α

Aos que não casaram...

O valor do sofrimento

Para que serve uma relaçã...

Se eu morrer antes de voc...

Respostas de Deus

Idades da mulher

O que dá sentido à vida

A faixa preta

Pra recomeçar

Para que serve um amigo?

A vida humana no jardim d...

Controlar a raiva

O preço do amor

Juventude Eterna

Janelas da Vida

Muitos dormem e poucos de...

FASCINANTE PARA MIM É...

O Monstro da Indiferença

Precisa-se de loucos

A hora de ser feliz

Amor e felicidade

Crie a sua realidade

Tristeza

O que mais sofremos no mu...

Tenha sonhos!

O direito à fantasia

Sabe o que eu mais queria...

Um Mundo de Sentimentos

Como aliviar a dor do que...

Ouça seu coração

♥arquivos

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

♥arquivado em

algumas palavras(1)

amizade(8)

amor(35)

amor♥(25)

deus(1)

filmes que eu gosto(44)

mensagens engraçadas(1)

mensagens variadas(80)

meus sentimentos(2)

numerologia(2)

para os solitárioe(8)

reflexão(57)

reflexão4(1)

saudade(1)

saudades(1)

vida(40)

todas as tags

♥subscrever feeds
♥as minhas fotos
blogs SAPO